Planeje bem o seu dia para ter sucesso na dieta!

 

Dormir pouco faz com que você queira comer mais durante o dia arruinando a sua dieta!
Dormir pouco faz com que você queira comer mais durante o dia arruinando a sua dieta!

 

Você é do tipo que deixa tudo pra última hora? Empurra o que tem que fazer até o mais tarde possível e depois se sente frustrada quando não vê resultados? Esse post de hoje é pra você…

Quantas vezes você já se sentiu frustrada, ansiosa ou estressada porque não conseguiu terminar algo que começou (como uma dieta) ou simplesmente não teve os resultados que esperava? Isso pode ser uma constante na sua vida se não existe um certo planejamento e determinação. Leia algumas de nossas sugestões e comece hoje mesmo a usar o seu tempo de uma forma mais eficiente!

 

Planejamento é o primeiro passo para o sucesso

Quer ter um bumbum durinho para o verão mas não levanta da cadeira? Chegou a hora de se mexer, marque a sua agenda! Coloque no papel o seu plano para que se torne realidade, começando por dividir o seu dia em tarefas que são prioridades. Uma pessoa normalmente gasta cerca de 3 horas por dia assistindo TV, o que totaliza 21 horas por semana! Que tal desligar a TV e se ligar em você? Use esse tempo para investir em você mesma e colocar o seu plano de emagrecer em prática de uma vez por todas! A não ser que a televisão esteja à sua frente na esteira da academia, dispense esse hábito! Mantenha uma rotina e em poucos dias você já sentirá a diferença no seu corpo e disposição. Veja aqui alguns efeitos instantâneos que ocorrem quando você muda seus hábitos.

 

Comer com pressa engorda

Saiu correndo de casa com milhões de coisas pra fazer, esqueceu o celular, voltou pra buscar e viu que deixou a luz acesa… Vai dar tempo de comer? É comprovado que quando comemos apressadamente ingerimos mais calorias do que precisamos, aproximadamente 200 calorias à mais! Ao fim da semana são 1.400 calorias que você está ingerindo às pressas, são calorias suficientes para engordar cerca de 1kg por semana, não caia neste hábito que pode arruinar a sua dieta!

 

Dormir bem previne obesidade 

Dormir é necessário não só para descansar o corpo mas a sua mente também. De 6 a 8 horas são a mínima recomendação para que você tenha uma boa noite de sono. Estudos mostram que pessoas cansadas comem mais durante o dia para tentar recompensar a falta de energia devida à falta de sono e estão em maior risco de se tornar obesas. Sabendo disso tenha como meta ir pra cama em um horário que lhe permita dormir ao menos 6 horas por noite. Não quer perder o próximo capítulo da novela das 8? Que tal gravar vários episódios e depois assistir no horário de folga? Dessa maneira pode passar pra frente os comerciais também! 🙂

 

E então? O que você acha dessas sugestões que podem lhe ajudar a manter o foco na dieta? Deixe-nos um comentário! 

Receita de suco termogênico para queimar gordurinhas! Que tal?

Você sabia que existem alimentos que, ao ingerirmos, queimam gordura no nosso corpo? Eles são chamados alimentos termogênicos! Hoje lhe damos a receita de um suco termogênico que, além de ser delicioso, é fácil de fazer, desintoxica seu organismo e queima gordurinhas! Bora experimentar?

O que você precisa:

Suco de 1/2 limão
Suco de 1 lima da pérsia
1 folha de couve picada (crua)
1/2 maçã sem sementes
1 colher de café de gengibre ralado
Gelo a gosto*

Continue reading Receita de suco termogênico para queimar gordurinhas! Que tal?

Biotipo e mitos e realidades sobre gordura corporal

 tipos-de-corpo

 

Muito se fala a respeito de gordura corporal mas o que é de fato realidade? Hoje investigamos um pouco mais a fundo alguns dos tantos mitos que estão por aí!

 

Mito 1- Gordura pesa menos do que músculo

Pense na pergunta: o que pesa mais, 1kg de algodão ou 1 kg de chumbo? Não faz sentido não é verdade? O peso é igual para qualquer elemento, 1 quilo é 1 quilo e isso é fato. A diferença está na densidade, gordura é menos densa do que músculo e por isso ocupa mais espaço no nosso corpo. Uma grande diferença também está na quantidade maior de esforço físico que é necessário para queimar células de gordura comparado à massa muscular. É preciso ao menos 30 minutos de atividade física aeróbica constante para iniciar o processo de ‘quebrar’ as células gordurosas no corpo.

 

Mito 2- Gordura na alimentação é ruim

Nem toda gordura é ruim para a saúde. Na verdade, gordura é essencial para o funcionamento do nosso organismo, o importante é incluir na sua dieta gorduras saudáveis como as poliinsaturadas e monoinsaturadas. Leia um pouco mais a respeito da Dieta Mediterrânea aqui, que inclui estes tipos de gorduras. Alimentos termogênicos como chá verde, canela e pimenta ajudam a queimar gordura, inclua-os em sua alimentação!

 

Mito 3- Gordura em qualquer lugar do corpo é igual

O fato é que dependendo da localização da gordura, o risco de doenças cardiovasculares pode ser maior. As pessoas com tendência em reter gordura na parte abdominal do corpo estão também em maior risco de desenvolver a obesidade. Esse fator de origem genética pode ser regulado com exercícios físicos e uma dieta saudável! Não se desanime se esse for o seu caso, Amanda perdeu 40kg em 1 ano, veja aqui essa história que lhe pode servir de inspiração!

 

Mito 4- Abdominal queima barriga

Esse mito em parte não é verdadeiro. De nada adianta você fazer 500 abdominais por dia se a sua alimentação não é saudável e balanceada e para isso é necessário um certo planejamento. Leia aqui como você pode programar a sua alimentação. Além do que, para poder fortalecer o músculo e ter o tão desejado ‘tanquinho’ é necessário diminuir a camada de gordura abdominal, e isso, como já citamos anteriormente, é somente possível através de exercício aeróbico regular.

 

E então? Já se animou pra começar a mudar seu estilo de vida e ter aquele corpo que sempre desejou? Deixe-nos um comentário sobre o que gostaria de ler! 😉

 

 

Drenagem linfática, ajuda a eliminar gordura localizada?

Drenagem-Linfática

Os tratamentos de drenagem linfática são muito famosos hoje em dia e é possível encontrá-los em qualquer centro de estética. Existem 2 tipos disponíveis, a manual e a mecânica. Hoje falaremos um pouco mais a respeito desses tratamentos para que você saiba se pode se beneficiar com eles e também lhe ajudar a escolher o melhor tipo pra você!

O processo de drenagem linfática é feito com o intúito de eliminar o excesso de líquidos no sistema linfático (conjunto de vasos que faz parte da nossa corrente sanguínea) através de movimentos circulares, massageando e estimulando o sistema circulatório, o que auxilia a eliminar inchaço aparente em certos lugares no corpo. Retenção de líquidos no corpo podem ocorrer devido à uma alimentação rica em sódio e produtos industrializados ou  às vezes devido à algum tipo de inflamação (doença) no organismo. A drenagem linfática mostra-se também muito eficaz no tratamento de celulite (saiba mais sobre celulite aqui) e em remover toxinas do corpo.

Drenagem linfática manual é feita através de uma massagem onde se aplica pressão leve sobre todo o corpo que ajuda a encaminhar (ou drenar) o fluído fora das células e eventualmente fora do corpo e, ao contrário do que se acredita, não deve doer. É muito importante que se busque um profissional capacitado evitando assim danos ao sistema circulatório.

Já a drenagem mecânica usa de aparelhos de vacuoterapia ou endermoterapia por exemplo, que aumentam a pressão e circulação dos fluídos estimulando a sua movimentação e eventual eliminação no corpo.

São muitos os benefícios obtidos através do tratamento de drenagem linfática além de desintoxicação e desinchaço. Ele também previne o aparecimento de varizes, atua no rejuvenescimento das células e até reduz olheiras entre outros!

Sendo assim fica evidente que o tratamento de drenagem linfática não irá necessariamente eliminar gordura localizada porém diminui sim medidas, já que elimina inchaço e toxinas no corpo.

E então? O que você acha? Vale a pena um tratamento como esse para ficar mais bonita?

Cuecas na Cozinha? Que mulher que deixa? Entrevista com Alessander Guerra!

AleGuerra

 

Alessander Guerra, palestrante, escritor e amante da gastronomia mostra com o seu jeito descontraído e divertido que homem na cozinha também pode (e dá!) conta do recado! Ele criou o blog Cuecas na Cozinha para compartilhar com outras pessoas suas aventuras na cozinha, deu tão certo que há pouco ele lançou um livro também sobre aventuras na cozinha, o Sex and the Kitchen.  Já quer saber mais não é? Então se aconchegue e leia um pouco mais sobre Alessander…

 

Contar Calorias Brasil: Conte para nós, como surgiu a idéia do Cuecas na Cozinha?

Alessander Guerra: Acho que nasci gostando de comer, sempre tive interesse em conhecer novas culturas, provar ingredientes, pratos. Nunca quis ser profissional do ramo da gastronomia, me interessa mais desfrutar do prazer de comer e beber. Há mais de quinze anos resolvi começar a cozinhar para família e amigos e há quase sete anos comecei a escrever o blog Cuecas na Cozinha. Meu objetivo foi compartilhar minhas experiências. Contar, sempre com bom humor, sobre algo que comi, bebi, li, cozinhei, assisti, conheci, entre outras inúmeras possibilidades do universo gastronômico. Queria escrever de uma  forma descontraída e descomplicada, porque eu não agüento essa “glamourização” da gastronomia.

Sinceramente, não esperava chegar a esse resultado, que culminou com a escolha do Cuecas na Cozinha, como um dos quatro blogs de gastronomia mais influentes da internet brasileira pela revista especializada Go Where Gastronomia.  Mas acho que é o resultado de um trabalho duro e difícil. Mesmo não pertencendo a nenhum veículo de comunicação, fui conquistando o respeito das pessoas porque -embora escrevendo de forma divertida- nunca deixei de ser sério e ético. Também nunca deixei de ser verdadeiro com quem freqüenta o blog e fica muito claro que digo sempre a minha opinião pessoal.  Ninguém é dono da verdade e gosto é algo muito particular de cada um.

 

CCBR: Qual a sua formação culinária?

AG: Não tenho nenhuma, sou só cara e coragem. E é isso que funciona no Cuecas na Cozinha, digo que se eu posso fazer todo mundo pode.

 

CCBR: O que não pode faltar na sua geladeira?

AG: Xi falta tanta coisa! rs

 

CCBR: Qual é a sua receita favorita de preparar e qual seria a melhor bebida para acompanhar?

AG: Curto muito preparar massas e risotos, gosto de provar com vinhos , mas mais importante de tudo são as pessoas que vão compartilhar esse momento comigo.

 

CCBR: Já fez dieta alguma vez?

AG: Eu vivo dizendo que a primeira palavra que aprendi a falar foi: Co-mi-da! E a segunda: di-e-ta. rs. Mas eu já deletei essa palavrinha chata do meu vocabulário, hoje eu só me controlo e me exercito bastante.

 

CCBR: Já teve que mandar alguma ‘calcinha’ pra for a da cozinha?

AG: Nada, acho o máximo quando uma calcinha entra na cozinha. Aliás, meu próximo livro “Sex and the Kitchen” que será lançado nacionalmente no dia 21 de outubro está aí pra comprovar o que estou dizendo.

 

CCBR: Fale um pouco do seu trabalho como palestrante.

AG: Eu sou formado em Administração de empresas, sou blogueiro, escritor, lido com a criatividade diariamente. Hoje em dia as pessoas estão vivendo muito no piloto automático. Minhas palestras tem por objetivo tirá-las da zona de conforto e mostrar que há uma vida muito mais interessante e criativa para ser vivida. Para isso uso metáforas de cozinha, tipo Lidar com Pepinos para falar de problemas nas empresas. Ela é bem lúdica, não existe aquela coisa de ligar o Power Point e ficar passando slide, é cheia de objetos e interações com a plateia.

 

CCBR: Quais são as suas próximas empreitadas?

AG: Já começo a escrever a continuação do meu livro Sex and the Kitchen. Tenho analizado outros projetos de livros, também estou com um projeto da TV do Cuecas na Cozinha e trabalhando no seminário de palestras do qual eu sou sócio junto com outros dois palestrantes que se chama DheG (Desafios da Hospitalidade e Gastronomia). Também pode vir por aí uma nova linha de produtos de cozinha com a grife Cuecas na Cozinha.

Queria agradecer pelo convite, por terem se lembrado de mim para essa entrevista.

 

Nós é que agradecemos a sua participação Alessander! Adoramos a nossa conversa virtual 😉 Quer saber mais ainda sobre ele? Visite o seu site aqui! Ou para saber um pouco mais sobre o seu livro acesse esse link!

7 benefícios instantâneos que você ganha ao se exercitar e comer bem!

Quando começamos uma mudança em nosso estilo de vida que envolva dieta e atividade física, pode-se demorar algum tempo até que vejamos uma transformação em nosso corpo. No entanto, você não deve perder o ânimo. Este é o momento de se concentrar em outras mudanças que é possível ver -se quase que instantaneamente. Estas são:

1 – Melhora no seu humor : quando você começar a cuidar de si mesmo, você vai notar como o seu humor melhora e você vai se sentir muito melhor. Além disso, a eliminação de alimentos processados ​​e açúcar elevado vai ajudar você a ter mais ânimo. Outro fator que contribui para melhorar o seu humor é se exercitar já que isso promove a liberação de substâncias químicas que lhe dão a sensação de bem-estar.

Continue reading 7 benefícios instantâneos que você ganha ao se exercitar e comer bem!

Idéias de receitas para café da manhã rico em proteína e baixo em açúcar!

Hoje vamos compartilhar com vocês sugestões que você pode incorporar no seu café da manhã para auxiliar a perda de peso, especialmente se você quiser reduzir a gordura abdominal.

O café da manhã nunca deve ser ignorado ou consumido logo após levantar-se, pois desta forma você está perdendo massa muscular  e é melhor evitar esse efeito. Além disso, quando pulamos o café da manhã se chega ao almoço com uma fome de 3 leões que não comem há 5 invernos. Evite!

O café da manhã deve conter proteínas, especialmente as proteínas do soro do leite, que são de excelente qualidade e proporcionam mais saciedade. Não há necessidade de comprar um suplemento como o whey protein, mas isso pode ajudar. O café da manhã também deve conter fibras que proporcionam saciedade e atrasam a saída de alimentos do estômago, fazendo com que você se sinta satisfeita for mais tempo. Finalmente, o café da manhã deve conter carboidratos, porém os complexos para nivelar seu teor de açúcar no sangue e lhe dar energia caso você queira se exercitar. Açúcar refinado faz com que você sinta ansiedade e queira comer mais, para evitar esse ‘sintoma’, coma chocolate escuro ou meio amargo para evitar a compulsão alimentícia e manter o bom humor 😉

Continue reading Idéias de receitas para café da manhã rico em proteína e baixo em açúcar!

8 Maneiras de Manter a Motivação para Mudar seu Estilo de Vida!

Uma das perguntas mais comuns que recebemos é como se manter motivada quando você quer mudar de estilo de vida, emagrecer e se sentir mais bonita. A maioria das pessoas querem melhorar o seu corpo, mas custa um pouco para encontrar a força e motivação para sustentar as mudanças. Aqui estão 8 dicas para lhe ajudar com isso:

1 – Não se prenda à balança para ver resultados

Muitas vezes, o esforço é grande e o resultado não se vê. Por quê? Porque a balança mede todos os componentes do corpo (água, músculo, gordura,ossos, órgãos). A gordura pesa da mesma maneira como o músculo, assim como água no corpo. Portanto, a melhor coisa a fazer é pesar-se a cada 15 dias e tomar medidas em uma base semanal. Meça sua cintura na altura do umbigo, abaixo e acima, meça o seu busto e circunferência do quadril, e também as coxas, assim  você terá uma idéia melhor de seu progresso.

Continue reading 8 Maneiras de Manter a Motivação para Mudar seu Estilo de Vida!

Conheça esses 6 hábitos alimentares que lhe trarão uma pele linda e radiante!

Sabemos que uma dieta saudável pode ajudar você a ter uma pele radiante sem  precisar ir a extremos ou com dietas muito rígidas. Hoje lhe daremos dicas de seis hábitos que você pode incorporar no seu dia a dia e notar diferença em sua pele em apenas duas semanas:

Continue reading Conheça esses 6 hábitos alimentares que lhe trarão uma pele linda e radiante!

Chef Marcelo Facini Fala Sobre Gastronomia Funcional!

foto Marcelo Facini

 

Ele renunciou à um cargo financeiro muito bem sucedido em uma grande empresa para ir em busca do seu próprio sonho, a gastronomia funcional. Passou por maus bocados com a sua saúde, sem ter o diagnóstico correto até aprender, através do seu próprio estudo, que o problema era resultado da sua alimentação. Marcelo Facini conta para nós porque é tão comum hoje em dia pessoas apresentarem problemas de intolerância alimentares e dá uma aula (com receita incluída) sobre culinária funcional.

 

Contar Calorias Brasil: Como surgiu a ideia de se especializar neste ramo da gastronomia?

Marcelo Facini: Comigo se aplica aquele ditado: “a necessidade é a mãe da invenção”. Sofri por anos com intolerância ao leite e derivados e com o glúten e mesmo passando por várias especialidades médicas, não foi feito o diagnóstico correto. Fiz tomografias cerebrais devido às minhas constantes enxaquecas e vômitos, passei endoscopias e até tomei antidepressivos. Percebia que este meu quadro clínico acontecia com tantas outras pessoas do meu convívio social e familiar, ou seja, era algo que todos estávamos fazendo diariamente, o que seria? Comer. Assim, após anos de sofrimento, foi através da nutrição funcional que descobri minhas alergias e intolerâncias e fui “curado”, somente com alimentos ou a exclusão de alguns de minha alimentação. Não existia nada parecido na gastronomia, sendo focada nos pratos gourmet, porém cheios de gorduras, produtos industrializados e com muitos itens para mim e tantos outros, alergênicos.

Após anos de pesquisas, utilizei  o que chamo de “gastronomia funcional”, o casamento entre a nutrição funcional, nutrologia e a alta gastronomia. É o comer e se alimentar com saúde e sabor.

 

CCBR: Qual é a sua formação culinária?

MF: Estive em vários países fazendo todas as certificações que achava relevante. Iniciei com a famosa Le Cordon Bleu na filial dos Estados Unidos e percebi o excesso de leite, cremes e manteiga, o que para mim era proibitivo e não faria parte da minha gastronomia. Em Paris, fiz cursos na Escoffier Ecole no Hotel Hitz mas ainda não era o que eu buscava no meu íntimo. Fiz cursos de culinária indiana e tailandesa e comecei a encontrar o meu caminho e concluí os meus estudos na prestigiada The Cordon Vert, uma escola de gastronomia vegetariana dentro da Sociedade Vegetariana do Reino Unido, a mais antiga do mundo. A união de todos estes cursos com a culinária tradicional e simples do dia a dia e dos alimentos orgânicos que me deu a base para a culinária funcional que desenvolvo.

 

CCBR: Fale um pouco sobre como os alimentos funcionais agem no organismo.

MF: Os alimentos funcionais são aqueles que contêm substâncias ou nutrientes que forneçam benefícios à saúde, seja como prevenção ou tratamento de doenças. De maneira geral, os alimentos funcionais são considerados promotores de saúde e podem estar associados com a diminuição dos riscos de algumas doenças crônicas degenerativas, como câncer, diabetes, doenças cardiovasculares, artrite, artrose, doenças autoimune, dentre outras. É necessário que o consumo destes alimentos seja regular a fim de que seus benefícios sejam alcançados. A indicação fica no maior uso de vegetais, frutas, cereais integrais na alimentação regular, já que grande parte dos componentes ativos estudados se encontra nesses alimentos. Outra dica é substituir em parte o consumo de carne de vaca, embutidos, farinhas branca (trigo) por outros alimentos da cadeia alimentar. Além disso, é importante que todos saibam que esses alimentos somente funcionam quando fazem parte de uma dieta equilibrada, balanceada. Isto quer dizer que se a pessoa estiver utilizando um alimento para o controle do colesterol, ela somente terá resultados positivos, se a ingestão deste estiver associada a uma dieta pobre em gordura saturada e colesterol e acompanhada por alguma atividade física.

 

CCBR: O que você acha que se deve ao aumento de pessoas com intolerância à lactose ou glúten hoje em dia?

MF: O excesso. Nossa alimentação precisa ser diversificada, colorida e orgânica. Se comermos os mesmos alimentos sempre, teremos os mesmos nutrientes sempre. O que ocorre hoje em dia é que vemos as cores branca, marrom e amarela predominantes na alimentação da população. Muito pão, pizza, sanduíche, massa, carnes, alimentos industrializados, embutidos, refrigerantes e salgadinhos. Nosso corpo está tendo uma overdose, e a maneira que ele encontra para nos fazer despertar é o aparecimento das intolerâncias e das alergias. São anos comendo sempre as mesmas coisas, não há corpo que aguente, ele precisa de todos os outros nutrientes e vitaminas para desempenhar bem as suas funções. Não há segredo: o remédio está na panela.

 

CCBR: Qual é o perfil do seu cliente quando presta consultorias?

MF: Atendo na maioria restaurantes, hotéis, lanchonetes e spas. Porém tenho vários clientes que atuo com a minha equipe como Private Chef . Vamos à residência, fazemos entrevistas com todo o núcleo familiar e munidos das instruções de um nutricionista funcional ou nutrólogo da família, ensinamos os empregados da casa a cozinhar de modo saudável e introduzimos novos alimentos e damos até um apoio na mudança do comportamento através de técnicas de coaching em saúde e bem-estar. Este cliente geralmente é aquele que como eu no passado, está desesperado procurando ajuda na alimentação saudável ou simplesmente aqueles que já estão com um estilo de vida nesta direção do bem-estar.

 

CCBR: Qual ingrediente não pode faltar na sua geladeira?

MF: Legumes, verduras e frutas orgânicas. Todos os grãos e cereais, o mais diversificado possível bem com  as farinhas de todo o tipo (sem glúten).

 

CCBR: Quais são outros profissionais, da gastronomia ou não, nos quais você se inspira ou admira?

MF: Minha inspiração vem dos meus seguidores e clientes. De suas necessidades, do sofrimento que estão passando e da busca incessante da saúde e bem-estar. Estes são os que me desafiam e me inspiram. Aqueles que conseguiram de algum modo sobreviver a todo este excesso e que estão mudando o estilo de vida.

 

CCBR: Você pode compartilhar conosco uma de suas receitas?

MF: Com certeza. Adoro compartilhar. Vou passar uma receita de algo que é o  que mais sentem falta: o pão nosso de cada dia.

 

O PÃO NOSSO DE CADA DIA

 

Ingredientes:

4 ovos orgânicos  (aqueles da galinha feliz)

1 1/2 xícara de chá de leite de soja

1 caixa de creme de leite de soja (opcional)

1 xícara de chá de farinha de arroz

1/3 xícara de chá de farinha de milho (fubá)

1/3 xícara de chá de farinha de mandioca

1/3 xícara de chá de fécula de batata (ou grão-de-bico)

2 colheres de sopa de farinha de linhaça (opcional)

1/2 xícara de chá de óleo de canola

1 colher de chá de sal marinho

1 colher de sopa de açúcar demerara

1 colher de fermento para pão

 

Nozes, castanhas, pistaches, sementes de girassol, etc.

 

Modo de preparo:

 

Bater em liquidificador ou Thermomix os líquidos todos e acrescentar os secos.

 

Colocar em forma untada (pao de forma), deixar crescer até dobrar de volume.

 

Levar em forno pre-aquecido a 180 graus e aumentar para 220 graus.

 

 pao nosso de cada dia

 

Profissional mais do que qualificado, elegante e queridíssimo! Quem não quer um Chef desses na sua cozinha? Para saber mais à respeito do seu trabalho com consultoria clique aqui