É possível perder células gordurosas?

 

Será que é possível queimar células gordurosas?
Será que é possível queimar células gordurosas?

 

O consenso geral de poder ou não perder as células de gordura é de que isso não é possível. Muitos acreditam que é possível aumentar o número delas, mas você nunca pode perdê-las. A teoria é de que, como as células de gordura estão repletas de gordura ao longo do tempo, elas se tornam tão grandes que eventualmente dividem-se e aumentar em número. O senso comum também diz que, infelizmente, depois de ganhar as células de gordura, você nunca pode perdê-las. Ao invés, elas apenas diminuem de tamanho. Será que isso é realmente verdade? Bem, sim e não. Veja só:

 

Você pode diminuir as células gordurosas?

Sim, você pode diminuir as células de gordura. Você também pode aumentar as células de gordura. Depois de atingir a idade adulta, o número de células de gordura que você tem mais ou menos permanece o mesmo. Quando você ganha uma grande quantidade de peso, essas células de gordura aumentam de tamanho. O oposto é verdadeiro quando você perde muito peso, elas encolhem.

Acredite ou não, o nosso corpo precisa de gordura. Quando reduzimos a quantidade de gordura em nossas células a baixos níveis (baixo percentual de gordura corporal), nossas células de gordura enviam sinais para serem preenchidas novamente. Esta é uma das principais razões por que é tão difícil manter um baixo percentual de gordura corporal.

Hormônios como a leptina e estrogênio são liberados pelas células gordurosas, e elas orientam o corpo à comer  para se preencherem novamente. Mesmo que esta seja sempre uma batalha em manter esses níveis de gordura corporal baixos, você ainda pode encolher suas células de gordura e ser magra, no entanto, se você quer perder as células de gordura, essa já é uma história totalmente diferente.

Você pode perder as células gordurosas?

Esta é a parte em que muitos erram. Sim, você pode perder as células de gordura. Você não nasce com um determinado número de células de gordura. Em vez disso, as células de gordura aumentam ao longo da infância até a idade adulta. Depois de atingir a idade adulta, o seu número de células de gordura permanece mais ou menos constante. Um estudo sobre a dinâmica de rotatividade de células de gordura mostra que:

O número de células gordurosas permanece constante na vida adulta em indivíduos magros e obesos, mesmo após a perda de peso acentuada, indicando que o número de adipócitos é definido na infância e adolescência.

Isso não quer dizer que você tem as mesmas células de gordura que você tinha desde a infância. As células do seu corpo estão constantemente morrendo e  se regenerando. Se nunca tivéssemos perdido as células de gordura desde a infância, teríamos basicamente encontrado a fonte da juventude. Infelizmente, as nossas células morrem à medida em que envelhecemos. Quando se trata de células de gordura, eles simplesmente se regeneram.

Aproximadamente 10% das células de gordura são renovados anualmente em todas as idades e níveis de índice de massa corporal em adultos. Se o número de células de gordura aumenta a partir da juventude e permanece o mesmo desde então, devemos focar em prevenção de obesidade em uma idade jovem. Infelizmente, a obesidade infantil está se tornando um grande problema e que só irá causar problemas maiores à medida que envelhecemos.

Quanto mais células de gordura você tem, mais difícil é perder gordura. Não deixe que isso lhe desanime. Qualquer um pode encolher suas células de gordura e emagrecer se eles fizerem o esforço, se exercitarem e comerem direito. Lembre-se, a gordura é o que preenche as células de gordura. Você ainda pode perder a gordura e diminuir as células.

O que você acha? Você já teve uma experiência em que teve maiores dificuldades em emagrecer logo após ganhar peso?

5 Passos para iniciar uma dieta saudável!

5 steps

 

 

Você está pronta para entrar em forma e iniciar uma dieta, mas não tem idéia por onde começar. Há tantas informações conflitantes por aí que isso só te deixa mais e mais confusa. Por isso juntamos para você as seguintes dicas,uma ajuda para aprender a melhor maneira de como começar uma dieta saudável!

 

Definir uma meta

Antes de fazer qualquer coisa, você tem que definir uma meta. Você não pode simplesmente começar uma dieta saudável sem saber onde você está querendo chegar. Mudar o seu estilo de vida não é tão simples assim. Se você quer perder um quilo, ou 5, ou talvez você ainda queira ganhar uns quilinhos, você tem que saber o que você está tentando realizar antes de começar a fazer qualquer outra coisa. Não fique à frente de si mesma. Depois de definir o seu objetivo, então você pode começar a montar um plano de nutrição. Uma meta boa de perda de gordura é 0,5-1 % de gordura corporal por semana.

Largar o açúcar refinado e farinhas

Aqui residem os dois maiores problemas para qualquer programa de perda de peso: o açúcar refinado e a farinha (farinhas especificamente refinados). Um dos primeiros passos para iniciar uma dieta deve ser para começar a eliminação progressiva destes dois ingredientes. Aprenda a ler o rótulo dos alimentos. Leia a lista de ingredientes em particular. Se você ver a menção da palavra farinha, certifique-se de que é de grão integral, caso contrário, budque por um alimento melhor na prateleira. Muitas pessoas ficariam surpresas com o que elas podem realizar, somente cortando o açúcar e a farinha de suas dietas.

Escolher água ao invés de bebidas açucaradas

Esta é uma questão difícil para muitas pessoas, mas é também uma das mais importantes. Beber água ajuda a perder peso. Ela não só desempenha um papel vital em quase todas as funções do corpo, mas faz tudo isso com apenas zero calorias. Se você precisar de ajuda para tomar mais água, tente adicionar um pouco de limão cortado, suco de limão, laranja ou pepino em suas bebidas. Dessa maneira você adiciona sabor à água com baixas calorias.

Quando alguém escolhe fazer a substituição de água, geralmente substitui bebidas altas em açúcar ou refrigerantes cheios de adoçantes artificiais. Assim, você não só irá eliminar o açúcar, o que já é em parte benéfico para a sua saúde, você se livra de adoçantes artificiais, o que trará diversos tipos de mudanças positivas para o seu corpo. Se o seu objetivo é perder peso, a melhor coisa que você tem a fazer é guardar as calorias que você tem para ingerir alimentos que são ricos em nutrientes, não bebidas.

Planejar as suas refeições

Tudo bem, então você tem o seu plano de meta, e você sabe que não deve comer açúcar ou farinhas, e que você precisa estar bebendo mais água. Agora é hora de começar a planejar as suas refeições. Este é outro passo que apresenta muita dificuldades para algumas pessoas. Você não pode simplesmente começar uma dieta e improvisar de refeição para refeição, sem saber o que você vai comer em seguida. Você aumenta muito suas chances de deslize quando você faz isso. Pessoas assim geralmente dizem que não querem ficar obcecadas sobre a contagem de calorias, e elas só querem comer de uma maneira saudável. Isso é ótimo! É uma atitude maravilhosa de ter, e algo que eu apoio incondicionalmente. No entanto, existe um processo de aprendizagem para essa maneira de pensar aconteça, e isso é algo que a maioria das pessoas não entende.

Reserve um tempo para planejar suas refeições para a semana. Você tem que fazer isso de qualquer maneira, antes de ir às compras no supermercado, faça um esforço à mais e anote as suas refeições para cada dia antes do tempo. Você não tem que contar calorias ou macronutrientes por agora. Basta fazer escolhas alimentares saudáveis ​​e montar um plano alimentar para a semana.

Cozinhar suas refeições com antecedência

A última das dicas de como começar uma dieta é cozinhar todas as suas refeições (ou a maioria delas) com antecedência. A falta de planejamento das refeições é outra razão porque a maioria das pessoas saem da dieta. O que normalmente acontece é que você só se dá conta de que não sabe o que vai comer quando já está com fome, e não tem qualquer alimento preparado. Uma das duas coisas geralmente acontece: ou você não tem idéia do que preparar, ou você até sabe o que seria bom fazer mas não está com a mínima vontade de cozinhar neste momento. E o resultado desse episódio todos nós já sabemos, você acaba comendo algum alimento industrializado ou até um lanche de fast food e a sua dieta vai por água a baixo.

Você pode resolver este problema cozinhando as suas refeições com antecedência. Depois de ter todas as suas refeições planejadas para a semana, é hora de começar a cozinhar e preparar o seu plano à prova de aço. Separe algumas horas de um dia e cozinhe todos os seus alimentos para a semana. Corte e pique os seus vegetais, asse o seu frango, ou faça uma carne de panela. Coloque seus alimentos já preparados em recipientes hermeticamente fechados, ou os congele para mais tarde na semana. Quando chega a hora de comer a única coisa que você tem a  tudo que você fazer é colocar a comida em um prato e esquentá-la. Não se preocupe mais em cozinhar 5 vezes por dia  (ufa!). Não se preocupe em estar com preguiça de cozinhar naquele momento. Então, dê a você mesma uma folga, seja eficiente com o tempo que você tem e cozinhar as refeições de sua semana com antecedência.

Como se livrar de pneuzinhos e gordura localizada!

Está na hora de dizer adeus à gordura localizada!
Está na hora de dizer adeus à gordura localizada!

 

Então você quer saber como se livrar dos pneuzinhos e outras áreas de gordura localizada. Você perdeu um pouco de peso, mas esse punhado irritante de gordura que paira sobre os lados de suas calças simplesmente não vai embora. Você não está sozinha na sua frustração, este é um problema muito comum.

 

 

Gordura Localizada: acontece nas melhores famílias

Você pode ter notado que certas áreas do seu corpo têm uma maior tendência em armazenar gordura. Essas áreas tendem a ser a sua parte inferior das costas, pneuzinhos, bumbum, quadris e coxas. Essas mesmas áreas de gordura também são difíceis de se livrar. A gordura localizada é teimosa e difícil de eliminar. A verdade é que existem razões pelas quais essas áreas específicas de gordura apresentam uma dificuldade maior para serem exterminadas.

A maneira como você armazenar a sua gordura é altamente dependente de um par de razões diferentes. Alguns dos motivos estão relacionados com o seu sexo e genética. Mas, mais especificamente, é a proporção diferente de hormônios que homens e mulheres têm. Os dois hormônios sexuais que influenciam a disposição de gordura são a testosterona e o estrogênio. Sua proporção de testosterona e estrogênio vai exercer uma grande influência em como você armazena gordura em seu corpo.

Porque é que a gordura localizada é diferente?

Então, nós apenas armazenamos nossa gordura em lugares diferentes ou há realmente algo diferente sobre este tipo de gordura? Existem algumas diferenças muito importantes na verdade. Seu tecido adiposo contém dois receptores principais: alfa e beta. Os beta- receptores são os receptores do bem. Estes receptores aumentam o metabolismo da gordura e também aumentam o fluxo de sangue para dentro das células adiposas. Por outro lado, os alfa -receptores inibem o metabolismo da gordura e provocam uma diminuição do fluxo de sangue no tecido gorduroso. O fluxo de sangue é muito importante quando se trata de perda de gordura. A corrente sanguínea dá carona para muitos dos hormônios e nutrientes necessários à células para que a queima de gordura (lipólise) aconteça. Quanto Menos fluxo de sangue para as células de gordura, menos perda de gordura.

Seus pneuzinhos e outras áreas de gordura localizada tem uma maior proporção de alfa-receptores para beta-receptores, até 10 vezes mais. O que isto significa é que uma dieta normal e exercício teria sucesso na mobilização de reservas de gordura, porém ele falha (ou pelo menos faz com que seja mais difícil) em se livrar de pneuzinhos e outras gorduras localizadas.

Livre-se de pneuzinhos

É importante notar que a melhor maneira de lutar contra essas ‘áreas de alta tensão’ é impedi-los de que se formem em primeiro lugar. Mais do que provável, essa gordura localizada é resultado de um aumento anterior de peso. Quando você ganha peso o balanço de testosterona e estrogênio começa a mudar em favor do estrogênio. Isso ocorre porque as células de gordura produzem estrogênio. Quanto mais gordura que você tem, mais estrogênio é produzido. Como você pode imaginar, este processo pode ficar fora de mão se não for tomado o controle de início. E uma vez que você tem uma grande quantidade de gordura em seu corpo torna-se muito mais difícil de perdê-lo, mas certamente não é impossível!

Se for esse o caso, a melhor maneira de lutar contra o alojamento de gordura é trabalhar para melhorar a sua sensibilidade à insulina. Sua sensibilidade à insulina está relacionada com a quantidade de gordura que você mantém em seu corpo. Pessoas com melhor sensibilidade à insulina tendem a ter seus corpos mais magros. A insulina é o hormônio mais poderoso que aje no armazenamento de gordura do seu corpo. Você precisa controlá-la se você quiser se livrar de pneuzinhos.

Uma estratégia que nunca vai funcionar para se livrar de pneuzinhos é o exercício. Você não pode reduzir gordura localizada dessa maneira. Na verdade, se você estiver indo à academia para sobrecarregar seus oblíquos na esperança de que vai perder gordura nessa área, isso irá fazer com que essa área simplesmente apareça mais. O músculo vai crescer a partir dos exercícios de estímulo, mas a gordura vai permanecer a mesma, fazendo com que a área seja mais pronunciada. Isso não é algo que você deve ficar se estressando a respeito, e você certamente não deve parar de malhar, mas é importante notar que você está fazendo abdominais em vão tentando se livrar da gordura abdominal.

Para concluir, você não está sozinha na sua frustração em se livrar de gordura localizada e pneuzinhos. Mas através de um regime de tratamento com foco na prevenção, melhorando a sua sensibilidade à insulina, paciência e consistência, você dá a si mesma uma chance de lutar para perder essa gordura teimosa. Ela acabará por ir embora, mas você tem que manter o foco com uma alimentação saudável e exercício intenso. Seja paciente e consistente mais do que qualquer coisa, e você vai notar que lentamente as gordurinhas começam a ir embora.

7 Maneiras naturais para aumentar seus níveis de testosterona

Molécula de testosterona
Molécula de testosterona

 

 

Tanto os homens como as mulheres precisam de ótimos níveis de testosterona. Enquanto o homem tem em média dez vezes mais testosterona do que uma mulher, as mulheres são muito mais sensíveis à este hormônio. Seja você homem ou mulher, a testosterona é de qualquer maneira responsável por muitas das funções no seu corpo. Uma pequena lista delas inclui:

 

-desejo sexual
-resistência óssea
-energia mental e física
-a síntese proteica
-crescimento do cabelo
-crescimento de tecido muscular
-perda de gordura

Como a testosterona é um hormônio tão importante, você deve fazer de tudo o que puder para manter este poderoso ingrediente em níveis adequados. Como você faz isso? A seguir estão sete maneiras que você pode aumentar naturalmente os seus níveis de testosterona:

Pegue pesado

Levantar pesinhos de 2kg não vai dar muito certo. Você precisa estar usando pesos pesados ​​com movimentos compostos que recrutam fibras musculares ao máximo. Exercícios como supino, agachamento, e levantamento terra deve ser estáticos em sua rotina de exercícios. Faça o máximo que puder e tente manter os seus intervalos de descanso em cerca de 90 segundos. Estudos têm mostrado que o treinamento de resistência juntamente com intervalos de descanso curtos aumentam a produção de testosterona e hormônio de crescimento.

Faça Sprints

Sprints (aumento rápido de velocidade durante uma corrida) são uma das melhores maneiras de queimar gordura no corpo inteiro. Nenhum outro exercício coloca todo o seu corpo em 100% de intensidade por um período prolongado de tempo. Todo o ácido láctico que é produzido a partir de uma corrida está correlacionado com a produção de testosterona. Essa sensação de queimação que você sente em seus músculos quando você está levantando pesos é o ácido láctico.

Quando a sua demanda de energia é alta (como quando você está correndo), os seus níveis de ácido láctico aumentam mais rápido do que o seu corpo pode removê-lo. Isso faz com que os níveis de ácido láctico aumentem. Esta produção é um sinal claro de que você está se exercitando com intensidade suficiente para aumentar a produção de testosterona.

Coma gordura

A ingestão de gorduras, especialmente saturadas e gorduras mono-insaturadas tem mostrado serem correlacionadas com os níveis de testosterona no organismo. As gorduras saudáveis ​​como as de nozes e sementes, ajudam na produção de testosterona. Os ácidos graxos essenciais também devem ser ingeridos através de sua dieta. Se você não está recebendo o suficiente através da sua alimentação, considere complementar com um óleo ômega-3. E sim, até mesmo gordura saturada desempenha um papel vital em nossos corpos. É a gordura trans que você precisa evitar. Uma dieta composta de 20-30 por cento de gordura parece ser o ponto ideal para aumentar os níveis de testosterona. Certifique-se de que você está comendo gordura. Comer gordura não faz você engordar! Comer muitas calorias e alimentos industrializados ​​irão!

Coma o suficiente

Quando você não come o suficiente, os mecanismos de fome do seu corpo começam a colocar as garras de fora. Quando o seu organismo sente fome, ele desliga a produção de testosterona . Certifique-se de que você está comendo calorias suficientes. Esta é uma das principais razões pela qual dietas falham. Uma vez que você começar a cortar suas calorias para uma quantidade muito baixa isto provoca uma cascata de reações negativas no corpo, nenhuma das quais é benéfica para os seus objetivos de perda de gordura. Coma pelo menos 10 calorias por quilo do seu peso corporal. Não há realmente nenhuma razão para ir abaixo deste número a menos que você esteja com acompanhamento médico.

Descanse

Descanso e recuperação são provavelmente os aspectos mais negligenciados de um programa de fitness. Para ser bem sucedido, você precisa colocar a mesma importância em sua dieta, exercício e recuperação. Certifique-se de que você está recebendo pelo menos 7-8 horas de sono todas as noites, e que você está indo dormir em horários semelhantes todas as noites.

Estudos têm demonstrado que os níveis de testosterona podem cair em mais de 40%, como resultado em falta de tempo para se recuperar fisicamente. Se você está levando musculação à sério dê a seus músculos tempo suficiente para se recuperar. Dor geralmente é um bom sinal de que você precisa de mais descanso. No início de um programa de condicionamento físico você pode sofrer lesões por um longo período de tempo até que o seu corpo se adapte às novas tensões colocadas nele. Não vá com muita sede ao pote e exagere logo no início. Dê-se tempo suficiente para se recuperar.

Coma alimentos de baixo índice glicêmico

Estudos mostram que os níveis de açúcar no sangue estão ligados a produção de testosterona. Níveis elevados de açúcar no sangue podem reduzir a testosterona em tanto quanto 25 %. Então, como você pode manter seus níveis de açúcar no sangue baixos? Uma boa maneira é não comer qualquer carboidrato. Infelizmente, este não é o cenário ideal para a maioria das pessoas. Os hidratos de carbono (glicose) são necessários para alimentar o exercício de alta intensidade, o funcionamento do cérebro, e treinamento de resistência. E, como você já leu, levantamento de peso pesado e sprints, sendo que ambos utilizam carboidratos como combustível, são duas maneiras de aumentar efetivamente a produção de testosterona.

A outra maneira de manter o açúcar no sangue “baixo” é comer carboidratos de baixo índice glicêmico. Estes alimentos são digeridos lentamente e produzem uma liberação (benéfica) constante de glicose na corrente sanguínea. Coma alimentos com abundância em fibra e você estará no caminho certo.

Reduza sua gordura corporal

Seus níveis de gordura corporal são inversamente relacionados com os níveis de testosterona. O que isto significa é que, enquanto a sua gordura corporal se eleva, seus níveis de testosterona diminuem. As células de gordura produzem estrogênio. Quanto mais gordura que você tem, mais estrogênio é produzido, e mais testosterona é suprimida. Você precisa ter certeza de que está trabalhando em direção à um objetivo de ter um percentual de gordura corporal mais baixo. Quanto mais gordura corporal que você ganhar, mais difícil será a sua batalha em perder gordura.

Use estas 7 maneiras de aumentar sua testosterona naturalmente. Você verá que todos elas parecem ter algo em comum: todas são acompanhadas com a sua dieta e exercício físico. Quase todos hormônios em seu corpo podem ser manipulados através de dieta e exercício. Se você tem baixos níveis de testosterona e  não tem uma condição médica, mais do que provavelmente o seu problema decorre de uma falha em umas das 7 dicas listadas acima. Experimente algumas delas, você não tem nada a perder (a não ser gordura). 

Você sabia que Hipnose pode ajudar a emagrecer ?

hypnosis-4-david-dunham

Conheça a ferramenta  que está ajudando pessoas a diminuírem a fome, os números da balança, a deixar de comer chocolate e outros vilões da dieta.

Celebridades  recorrem à Hipnose como uma ferramenta para reduzir Ansiedade, Vencer Medos, Parar de Fumar, etc.  Kate Middleton recorreu à Hipnose durante a gravidez para aliviar os enjôos,  Fergie para parar de roer unha, Britney Spears e Lilly Allen recorreram para parar de fumar e Adele para vencer o medo de cantar no Oscar. Atualmente  Hipnoterapeutas estão usando essa técnica como um poderoso recurso no Processo de Emagrecimento e os resultados são fantásticos. A nossa convidada de hoje, a Dra. Flávia Freitas conta tudo sobre como funciona esse procedimento:

Na Terapia para o emagrecimento faço um trabalho de Psicoeducação com meus pacientes e a Hipnose entra como uma ferramenta importante para diminuir a ansiedade, eliminar compulsões, diminuir a fome emocional e propiciar aversão à alguns vilões da dieta, como chocolate, massas em geral, doces, bebida alcoólica, etc.

As pessoas que lutam para perder peso e não conseguem, têm uma programação mental que sabota  suas tentativas. Frequentemente, possuem pensamentos tais como: “Sei que não deveria comer isto, mas hoje eu mereço”; “Se eu comer isto só desta vez não vai ter problema”; “Tive um dia estressante  e mereço comer o quiser”; “Estou triste,  por isso tenho que comer, preciso estar feliz com alguma coisa na minha vida”.

O processo da hipnose consiste em colocar o paciente em um estado alterado de consciência através de um relaxamento físico e mental. Assim, ele fica suscetível às induções hipnóticas, mas não perde o controle das suas ações. Utilizo várias técnicas e a preferida entre os pacientes é a Cirurgia do Balão Intragástrico Hipnótico, na qual durante o transe é dado sugestões hipnóticas de que eles estão passando pelo procedimento e possuem um balão em seu estômago. Os efeitos são percebidos na própria sessão e se intensificam conforme o paciente faz a autohipnose ou sessões de reforço.

Na Terapia para Emagrecimento o paciente descobrirá como fazer tudo o que for necessário para alcançar o sucesso  na dieta mudando a maneira como  pensa. Aprenderá a diferenciar a fome emocional da física, modificará sua relação com a comida, mudará seus pensamentos e crenças autoderrotistas e sabotadoras, conseguirá sustentar novos hábitos alimentares, aperfeiçoará competências como disciplina, planejamento, dedicação, dentre outras. E como bônus dessa terapia,  a hipnose ajuda na redução da fome, saciedade, motivação para se exercitar, escolhas por alimentos saudáveis, redução da ansiedade, dentre outros.  Se desse para resumir todo o processo em uma frase, ela seria : “Se a mente cria, a mente cura!”. Se cria compulsão, aumento da ansiedade, medos, etc. com a programação correta e auxílio de um profissional capacitado ela também pode curar.

 

5 Dicas para controlar ataques de fome

Uma das partes mais difíceis de perder peso é aprender a controlar os desejos de comida. Praticar exercícios pode ser fácil para a maioria das pessoas, mas é a dieta que é difícil. Infelizmente, sua dieta é responsável por cerca de 80% do seu sucesso. Você pode malhar até que você esteja azul na cara, mas se a sua dieta não está sendo planejada corretamente os seus sonhos de um corpo perfeito sempre estarão fora de alcance.

A mente é muito poderosa , e pode facilmente convencê-la a atrapalhar sua dieta. Mudar seu estilo de vida é um verdadeiro exemplo de como você precisa assumir o controle de sua mente e corpo para ser bem sucedido. Se você deixar a sua mente controlar a sua dieta, você nunca vai alcançar seus objetivos.

Então, quais são algumas maneiras que podemos tomar de volta o controle de nós mesmos para nos manter no caminho certo para o sucesso? Aqui estão 5 dicas para controlar ataques de fome, elas são peças necessárias para o quebra-cabeças que é uma dieta ideal.

Continue reading 5 Dicas para controlar ataques de fome

Comer à noite engorda?

Será que comer à noite engorda como dizem?
Será que comer à noite engorda como dizem?

 

Será que comer tarde da noite engorda?

É ruim para a dieta comer à noite? Será que engorda comer depois de 19:00hrs? Estas são apenas algumas perguntas que as pessoas têm quando se trata de planejar o seu programa de perda de peso.

 

 

O importante é balancear as calorias

A coisa importante a lembrar quando se trata de perda de peso é o equilíbrio calórico. Quando ingerimos mais calorias do que queimamos, ganhamos peso. Não importa se você come todos os seus alimentos em uma refeição, ou se você acorda no meio da noite para comer. Se você comer mais calorias do que você queima, você vai ganhar peso. O oposto também é verdadeiro. Se você queimar mais calorias do que você come, você vai perder peso. Como mágica não é? 😉 Não importa se você come uma, duas, ou dez refeições por dia. A perda de peso se resume ao equilíbrio de calorias.

Por outro lado , o nosso objetivo não é perder peso. Nosso objetivo é perder gordura. O que você come e quando você come pode afetar a sua composição corporal . Então, como tudo isso se relaciona a comer tarde da noite ?

Leia mais sobre a diferença entre perda de peso e perda de gordura.

A chave para comer a noite sem engordar e maximizando a perda de gordura, é manter a ingestão de carboidratos a um nível mínimo. A razão para isso é porque os carboidratos aumenta seus níveis de açúcar no sangue. Quando o açúcar no sangue fica muito alto, a insulina é liberada a fim de armazenar o excesso de glicose no sangue. O problema com isto é que, quando a insulina é alta, o hormônio do crescimento é baixo, e vice-versa. Estes dois hormônios poderosos são inversamente correlacionados.

Potencialize a ação do hormônio do crescimento à noite

Queremos que o nosso hormônio do crescimento (GH) seja capaz de fazer o seu trabalho durante a noite. Lembre-se, os dois momentos em que GH é mais elevado é depois de um treino de alta intensidade e enquanto você está dormindo à noite. Se comermos uma refeição rica em carboidratos logo antes da hora de dormir, a capacidade do nosso corpo em liberar este hormônio de perda de gordura poderoso será inibida.

Se você quiser comer à noite, o que é perfeitamente aceitável, tente fazê-lo com que seja uma refeição rica em proteína, gordura e baixa em carboidratos. Esta deve ser uma refeição sólida, nada de shakes. Você precisa que esta proteína seja metabolizada lentamente durante a noite. O alimento sólido tem essa característica. Se você adicionar um pouco de gordura saudável nesta refeição, ela retarda a absorção dos nutrientes e metabolismo ainda mais. E se você realmente quer ter a refeição noturna perfeita, adicionar alguns vegetais verdes saudáveis. Esses vegetais contém poucos carboidratos porém são ricos em nutrientes e fibras. É a fibra que vai retardar a digestão e índice glicêmico (IG) da sua alimentação ainda mais.

Aqui estão apenas alguns exemplos de alimentos que você pode comer à noite

Carne , brócolis e nozes
Ovo, omelete de espinafre
Frango e salada de espinafre com molho de azeite e vinagre
Carne, aspargos e 1 colher de sopa de óleo ômega 3 (ácidos graxos essenciais)

Todas estas refeições seguem o princípio básico em incluir uma proteína magra, uma gordura saudável, e um carboidrato rico em fibras. Isto irá manter um bom suprimento constante de proteína para o seu organismo que irá auxiliar a reconstruição de tecido muscular enquanto você dorme. Essa refeição irá fornecer ácidos graxos essenciais para uma boa saúde geral, e vai te dar vegetais ricos em nutrientes para suprir seu corpo com todos os nutrientes que necessita para funcionar de forma melhor possível. Isso tudo ao mesmo tempo em que mantém os níveis de insulina baixos para evitar o armazenamento de gordura e colocando o seu corpo em um estado hormonal ideal para perder gordura e construir músculos enquanto você dorme.

É ruim para comer à noite? Engorda? Absolutamente não. Basta estar consciente do que você está comendo. Seu corpo precisa de nutrientes para funcionar o melhor possível, especialmente quando você está dormindo. Você está prestes a passar por um período de 8-12 horas sem alimentos. Este é o seu tempo de recuperação. Seja inteligente e dê ao seu corpo o que ele precisa para queimar gordura, mesmo enquanto você dorme 😉 

Exercício e atividade física contra o câncer

Exercícios e atividade física contra o câncer
Exercícios e atividade física contra o câncer

Não é necessariamente uma novidade dizer que o exercício e a atividade física tem muitos benefícios para a sua saúde. Na verdade, pode-se argumentar que é bastante seguro dizer que os benefícios em se exercitar foram muito bem documentados ao longo dos anos. Sejam os benefícios relacionados à perda de peso, à saúde cardiovascular ou a saúde mental, as pessoas sabem que se exercitar é importante para manter a saúde. Mas descobertas recentes estão mostrando que podem haver outros benefícios desconhecidos anteriormente: poderia ser que atividade física combate o câncer?

À medida que mais e mais investigações e estudos são feitos, fica mais claro que o exercício e câncer estão conectados. Isto é devido em grande parte à presença de substâncias químicas importantes para o corpo que são inerentes ao exercício e atividade física. Treinar em academias ou simplesmente praticar atividades físicas são maneiras naturais de gerenciar níveis de insulina no sangue, prostaglandinas e ácido biliar, entre outros. Estas substâncias químicas quando fora de seu equilíbrio natural podem promover o desenvolvimento de muitos tipos de câncer, incluindo câncer de estômago, mesotelioma testicular e câncer pancreático. A melhoria da função respiratória é um dos principais benefícios do exercício físico regular. Isso ajuda com que você possa correr mais rápido, manter sua frequência cardíaca mais baixa, e melhora o transporte de oxigênio na corrente sanguínea. Também ajuda a prevenir os tipos de câncer respiratórios, como mesotelioma papilar e câncer de pulmão.

Com todos os benefícios que ele oferece, o exercício não deve ser visto como benéfico apenas às pessoas que buscam prevenir o câncer; pessoas já afetadas pela doença podem ajudar a acelerar a sua recuperação também. Pode parecer intimidante, mas aqueles com câncer podem obter muitos benefícios ao praticar exercícios de baixa intensidade. Como exercícios podem aumentar os níveis de serotonina, pode-se melhorar as perspectivas de saúde dos pacientes com câncer. Além disso, um estudo realizado recentemente pelo Canada Research Chair sobre atividade física revelou que, os pacientes com câncer de mama que passaram por exercícios leves melhoraram sua aptidão física, bem como níveis de força e auto-estima. O exercício também ajudou com sucesso quimioterapia.

O exercício tem definitivamente mostrado seu valor na luta contra o câncer, no entanto, é sempre importante seguir as recomendações do seu médico. Como cada caso é diferente, se um médico sugere que você conserve a sua energia, é mais provável que essa seja a melhor escolha. À medida que mais benefícios do exercício são descobertos é importante espalhar a consciência de como isso pode ajudar na luta contra o câncer.

Receita prática de panqueca montada da Liv

Liv Gitahy Conta como se tornou Fit Chef e compartilha uma de suas deliciosas receitas.

Saúde, Sabor e Praticidade no mesmo Prato

Quando me interessei por alimentação saudável durante meu processo de emagrecimento, percebi que poderia unir o conhecimento da primeira graduação de Hotelaria com ênfase em Gastronomia, com aqueles alimentos que faziam parte da minha rotina diária em busca de me reeducar.

Com trocas de experiências do Blog Treino, Nutrição e Beleza, o qual sou autora desde então, notei que a maior dificuldade de grande maioria dos leitores era ser saudável, sem ser chato.

Comecei a reparar que muitos reclamavam de detestar folhas e verduras, “gogorobas proteicas”, ou que sentiam muita falta de doce.

Foi quando resolvi ir para cozinha testar preparos que ficassem bonitos, gostosos e principalmente que fossem práticos e nutritivos.

Divulgo receitas com quais as pessoas se identificam, colocam em prática e conseguem assim, levar um plano alimentar saudável, sem restrições ou sofrimentos.

Todo processo torna-se fácil e prazeroso e com isso os resultados esperados vem para ficar e melhorar dia-a-dia.

Minha dica para quem não tem tempo é fazer uma listinha de supermercado, destinar um período de tempo para fazer as compras e já preparar receitas para alguns dias, além de ter opções de alimentos que não precisem cozinhar ou que fiquem prontos em pouquíssimo tempo, no máximo 10 minutos!

Algumas dessas receitas fits que compartilho no meu blog, são:

Brigadeiro de batata-doce, Brownie de banana, Panquecas Montadas, Leites Caseiros sem lactose, Macarrão Carbonara Funcional, Suco Verde de Cidreira, Cocada Mole Fit, além de bolinhos, batata-doce chips, quiches, tortas e todas sem glúten, sem lactose, com valor acessível e todas muito saborosas e nutritivas.

Hoje compartilho com vocês uma receita super prática, de Panquecas Montadas:

Ingredientes:

50g de batata doce branca cozida e amassada em textura de purê

4 claras

2 gemas

Modo de preparo:

Bater todos ingredientes no mixer ou liquidificador. Aquecer uma frigideira de fundo antiaderente e se achar necessário usar um toque de óleo de coco para não grudar. Com uma concha pequena porcionar quantidade de massa na frigideira

(Fica mais ou menos com 12cm de diâmetro)

Tampe por 1 minuto, levante tampa e perceberá bolhinhas na superfície.

Vire com ajuda de espátula, espere mais 1 minuto para dourar outro lado e PRONTO!

Essa receita rende 6 unidades, mas pode ser feita para render para semana toda, conservo na geladeira para consumi-las em 2 dias e para reaquecer, apenas coloco na frigideira por 2 minutinhos. Opção prática é fazer para semana toda, multiplicando a receita e após esfriar, embale de 3 em 3 em saquinhos novos e transparentes para congelar.

Da para fazer versão doce com frutas, canela, chia hidratada, ou versão salgada com tomate, sal, azeite, gergelim, entre outros de sua preferência.

Como a base é de sabor neutro, o recheio e cobertura ficam de acordo com criatividade e preferências individuais.

Vocês podem encontrar essas e outras receitas minhas, no meu blog Blog Treino, Nutrição e Beleza e também nas minhas mídias sociais.

Beber água pode ser o segredo para perder gordura

Que tal beber água para perder gordura?
Que tal beber água para perder gordura?

 

Benefícios em beber água

Por que a água é tão importante para a perda de gordura? Primeiro, vamos olhar para o papel que ela desempenha em nosso corpo. A água compõe cerca de 70% do nosso corpo, e os nossos órgãos contém uma porcentagem ainda maior de água. O fígado, por exemplo, é cerca de 95% de composto de água. A água transporta nutrientes por todo o nosso corpo e o ajuda a se livrar de toxinas. Ela ajuda a assimilar as vitaminas solúveis em água, e regula a temperatura do nosso corpo. Água lubrifica as articulações, ajuda a digestão , e promove a saúde da pele. Existem inúmeros benefícios para tomar água para listarmos. Ela desempenha um papel em todas as reações químicas dentro das nossas células.

Água reduz a retenção de líquidos no corpo

Quando o corpo não recebe água suficiente, ele se agarra no que tem disponível. A retenção de água é  resultado de desidratação. Este é um mecanismo de sobrevivência orgânico e simples. Seu corpo tem uma tendência a se apegar e armazenar o que acha que pode faltar no futuro. Uma vez que você começar a beber mais água, o corpo reconhece que está recebendo uma alimentação externa constante, e ele começa a soltar o peso da água que está segurando. Essa retenção de água em sua cintura, rosto, tornozelos é liberada porque não há mais uma razão para o seu corpo em armazenar esses fluídos.

Água torna o seu organismo mais eficiente em queimar gordura

Você se lembra do fato que citamos anteriormente, de que o seu fígado é quase 95 % de água? Não é possível enfatizar o quão importante o seu fígado é para o seu corpo. O fígado decompõe toxinas e as remove do corpo. Ele armazena vitaminas lipossolúveis. E o mais importante para o propósito deste artigo, ele tem um papel enorme em metabolizar carboidratos, proteínas e especialmente gordura. Seu fígado é responsável por quebrar ácidos graxos e transportá-los para o sangue a fim de serem metabolizados.

O que é que a água tem a ver com o fígado? Com0 o fígado é tão importante para a oxidação de gordura, é imperativo que nós o mantenhamos funcionando com 100% de eficiência. Quando você não bebe água suficiente, os rins, que também são responsáveis ​​pela eliminação de toxinas e resíduos, não podem funcionar plenamente. Como resultado, o fígado tem que pegar a folga. Se o seu fígado tem que trabalhar o dobro para eliminar toxinas, o metabolismo da gordura não vai ser capaz de funcionar de uma maneira 100% eficiente.

Estudos têm demonstrado que apenas desidratação leve pode afetar enormemente o desempenho do exercício. Às vezes, estar hidratada é a diferença entre conseguir terminar as duas últimas repetições, colocar peso extra de 5kg, ou correr o seu quilômetro 30 segundo mais rápido. Pode não parecer muita diferença, mas este treino que você conseguiu terminar com melhor eficiência por estar hidratada pode ser o que você precisa para restituir músculo, e perder gordura, mesmo enquanto você descansa.

Quanta água você deve beber para perder peso?

Portanto, verifique se você está bebendo água o suficiente para sustentar suas metas de perda de gordura. Tente tomar ao menos  1 litro de água por dia. Se torna mais fácil encher uma jarra de 1 litro de água , e beber durante o dia. Isso pode parecer muito, mas é cerca de apenas 8 copos de água.

Se você beber um copo em cada uma de suas cinco refeições você só tem mais alguns copos a mais para beber ao resto do dia. Você pode não ter muita sede no início, mas como o seu corpo começa a eliminar fluídos com tempo, você vai perceber que tem sede com mais freqüência.

Adicione um limão, ou uma fatia de laranja para a sua água se precisar de algum sabor. Apenas certifique-se que você está bebendo o suficiente do líquido mais importante do mundo 😉