Os 30 Piores Alimentos Para a Sua Dieta!

Cuidados com as suas compras! Quem está de dieta deve evitar ao máximo alimentos com alto teor calórico. Por isso alguns alimentos devem excluídos de sua rotina alimentar. A disciplina com os alimentos começa com os itens que você coloca em seu carinho de compras. Habituar-se na compra de alimentos saudáveis, faz toda a diferença na sua dieta, mas é preciso ainda atentar-se ao fato de que não é porque um alimento está rotulado como “saudável”, “funcional” ou “natural” que ele é melhor opção para que está tentando perder peso. Vou citar como exemplo o mel, os chips de vegetais e a granola como alguns dos alimentos vendidos em supermercados e que fazem com que as pessoas acreditem serem escolhas saudáveis, quando, na verdade, são alimentos carregados de calorias, gordura, sódio e glicose assim como o açúcar de mesa, a batata-frita, doces, etc.

Continue reading Os 30 Piores Alimentos Para a Sua Dieta!

10 segredos para emagrecer

Quer saber segredos de emagrecimento de pessoas que perderam já vários quilos? Então aqui vão dicas de pessoas reais que perderam mais de 20 Kg.
 

1- Faça um diário da sua alimentação

Enquanto muitas pessoas perdem peso apenas comendo saudável, a grande maioria dos perdedores de peso bem sucedidos mantêm um diário com a quantidade de calorias ingeridas. Manter um diário lhe ajuda a monitorar tudo o que você come e não só te ajuda a controlar sua alimentação como relata vários hábitos alimentares errôneos que você não nota no dia-a-dia.

Continue reading 10 segredos para emagrecer

Emagrecer, desafia a lógica.

Quer emagrecer? Muitas vezes você tem que  fazer completamente o oposto do que pensa para conseguir resultados. Aqui vão 8 dicas para que desafiam o senso comum: 
Coma mais para perder mais

Supostamente você não ter que comer menos para emagrecer? Tecnicamente sim, mas tudo depende do quanto você está comendo regularmente. Muitas pessoas são radicais ao cortar calorias e acabam fazendo mais mal do que bem para o corpo.

Você deve objetivar comer todas as calorias possíveis dentro de uma quantidade que ainda te possibilite emagrecer. Comer pouco diminui o metabolismo e desregula o organismo, inclusive hormônios que são responsáveis pelo emagrecimento. O que tipicamente ocorre é uma rápida perda de peso, seguida de estagnação e frustração. Não restrinja tanto suas calorias e você vai ver um resultado mais demorado, porém mais duradouro. Continue reading Emagrecer, desafia a lógica.

Misturar gordura e carboidrato, pode?

flaxpizza2smallTalvez você já tenha ouvido o ditado que não se pode misturar gordura e carboidrato na mesma refeição. Muitas pessoas acreditam nisso e acham que para maximizar a queoma de gordura, não se pode fazer essa combinação, mas será que é verdade?
 
Hoje vamos então falar sobre os prós e contras dessa mistura e deixar que você mesmo formule sua opinião a respeito.

Pontos negativos de misturar gordura e carboidrato

A explicação por trás dessa teoria é que misturando 2 fontes de energia na mesma refeição, seu corpo só vai usar uma delas e estocar a outra em forma de gordura. Porque isso?  Bem, como você sabe, carboidratos exitam a ação da insulina que é o estocador mais poderoso de gordura do nosso corpo.

Continue reading Misturar gordura e carboidrato, pode?

O índice glicêmico pode potencializar o emagrecimento!

O seu índice glicêmico é uma ferramenta valiosa para gerenciar as escolhas dos seus alimentos. Quando você começar a se atentar como cada comida age no seu corpo, vai poder tomar decisões mais certas sobre o que comer em cada refeição.

O que é o índice glicêmico?

É o índice que mensura a habilidade que um determinado carboidrato tem em elevar o nível de glicose no sangue. Ou seja, quando se come um carboidrato ele influencia o nível de açúcar do seu sangue. Alguns aumentam muito esse nível e outros nem tanto.

O índice glicêmico é determina após 12h de ingestão do alimento. A glicose pura tem valor equivalente a 100, então qualquer comida testada vai ter valor igual ou menor do que a glicose. Quanto mais perto estiver de 100, mais alto está o nível de açúcar. Caso você não saiba, glicose é uma parte do açúcar (sendo que a outra parte é frutose) e está é a razão pela qual o açúcar é tão determinante no seu emagrecimento.

Continue reading O índice glicêmico pode potencializar o emagrecimento!

14 Motivos porque você não está perdendo peso

Você está comendo bem e se exercita, mas o seu peso continua o mesmo ou até aumenta. As tentativas desesperadas para perder peso pode ser tão frustrante e criar um stress real em nossas vidas. Para muitas pessoas, principalmente mulheres, peso (ou perda de peso) é o stress número 1 em suas vidas.

Esse hábito se torna um ciclo vicioso em tentar controlar o que comemos, então nos sentindos fracassados porque a balança não mostra nenhum resultado. Nos punimos por não estar “mais no controle” e em seguida, manifestamos uma enorme quantidade de stress corporal que causa ainda mais estragos no nosso corpos. Então nós compensamos esse sentimento através da alimentação inadequada ou levamos a nossa dieta a um extremo (o que nunca é saudável) e o ciclo continua …

Isso não é esgotante? Nossa auto-estima é medida pelo que as balanças dizem, certo?

Claro que não, mas é o que muitas pessoas acreditam. A realidade é que quando somos gentis com nós mesmos, e praticamos o pensamento positivo, o nosso corpo vai começar a trabalhar em nosso favor. E o peso vai cair.

Claro que não é tão simples assim, mas é a primeira parte de estar mais no controle de seu próprio peso corporal.

E esse processo não precisa envolver tanto stress! Existe uma maneira de viver sem se preocupar com seu peso e ainda sim estra ciente de tudo o que você come. Uma vez que colocamos nossas habilidades em prática para encontrar a felicidade e bem-estar psicológico, hábitos alimentares saudáveis ​​(e um peso saudável) seguirão facilmente.

Continue reading 14 Motivos porque você não está perdendo peso

6 superalimentos que queimam gordura

chocolate-market

 

Que tal ouvir a melhor notícia do ano: chocolate é um superalimento que impulsiona o metabolismo. E essa não é a única surpresa agradável que você descobrirá nesse artigo. Enquanto a quantia de calorias pode ser a chave do sucesso (ou derrota) da sua dieta, certos alimentos agem como ingredientes naturais para a queima de gordura. Aqui você vai encontrar a lista de alguns deles e dicas de como incorporá-los em sua dieta.

 

 

 

Superalimentos 
Os alimentos estimulam o corpo a produzir hormônios e alguns desses hormônios podem persuadir o seu metabolismo a queimar gordura, já outros podem torná-lo mais lento e apto a armazenar gordura. Estes seis superalimentos irão acelerar o seu metabolismo e auxiliar a queima de gordura.

Chocolate meio-amargo 

Um estudo descobriu que o consumo diário de cerca de 42g de chocolate meio-amargo por dia reduz o hormônio  do stress, cortisol, e stress tem sido associado a um metabolismo lento. Os cientistas suspeitam que certos compostos do chocolate, como a cafeína e teobromina, podem ser responsáveis por isso. Outra razão para comer um pedacinho de chocolate: chocolate é antioxidante e tem efeito calmante. Aprecie com moderação.

Busque o chocolate que contém pelo menos 70% de cacau – quanto mais escuro, melhor. Polvilhe no seu cafezinho de manhã para um gostinho a mais ou adicione pedaços com nozes e frutas secas para um lanche saudável no meio da tarde.

Ovos

Ovos são uma fonte de proteína perfeita. Eles contêm todos os nove aminoácidos essenciais que o seu corpo precisa para construir tecido muscular. E quanto mais massa magra você constrói, maior o seu potencial de queima de gordura porque é preciso mais calorias para manter a massa muscular do que gordura.

Comece o seu dia com dois ovos mexidos em vez de um pãozinho ou cereal. Ou cozinhe alguns ovos e monte uma uma salada de ovos cozidos com maionese light e  um toque de páprica, escolha um pão de sementes ou integral e voilá!  Você irá se surpreender com o sabor delicioso desse sanduíche.

Sementes de gergelim

Estudos em animais mostram que um composto químico chamado lignanas, presentes em sementes de gergelim, aumentam a queima de gordura através do aumento das enzimas do fígado que quebram a gordura. “Muitos estudos indicam que proteínas e ácidos graxos essenciais aumentam a taxa metabólica, e as sementes de gergelim são carregados com ambos”, explica Christine Gerbstadt, MD, RD, porta-voz da Academia de Nutrição e Dietética. Eles também são uma rica fonte de minerais e fibras.

Torre sementes de gergelim (espalhe-as uniformemente em uma assadeira e coloque no forno médio por cerca de 15 minutos ou até dourar), e use-as em saladas, para polvilhar em legumes, frango, peixes e sopas. Espalhe tahine (pasta de gergelim) no aipo ou pão e busque pães integrais com sementes de gergelim.

Vitaminas

Adicione um pouco de whey protein na sua vitamina para colocar o seu metabolismo pra trabalhar. Novas pesquisas sugerem que esta substância desencadeia hormônios da saciedade, incluindo a colecistoquinina, que envia ao seu cérebro o sinal de satisfação. Além disso, whey protein contém o aminoácido leucina que trabalha com o fortalecimento muscular. Quando você está perdendo peso, a ingestão de proteínas de whey podem ajudar a reduzir a perda de massa muscular magra, o que mantém o seu metabolismo acelerado.

Suplementos de proteína em pó, ou whey protein não precisam ser só adicionados à vitaminas. Misture uma colher no seu iogurte ou adicione à receitas de bolos quando estiver misturando os ingredientes secos.

Pimentão amarelo

Muitas pessoas tem deficiência em Vitamina C sem saber, e uma porção de pimentão amarelo provém cerca de 341 miligramas, quase três vezes e meio o valor em uma laranja grande. O corpo precisa de vitamina C para produzir uma molécula chamada carnitina, que ajuda os músculos a usarem a gordura para produzir energia e, por sua vez, estimula o metabolismo. Certamente, pessoas com níveis mais elevados de Vitamina C no sangue apresentam um IMC menor e menos gordura corporal, de acordo com um estudo publicado no Journal of Nutrition.

Tiras de pimentão amarelo cruas com pasta de grão de bico (hummus) são uma ótima pedida para um lanche ou aperitivo. Ou adicione pimentão em suas saladas para uma textura mais crocante e sabor delicioso.

Amendoins

Essa leguminosa não só é repleta de fibras que ajudam a manter a saciedade, elas podem lhe ajudar a queimar calorias também. Amendoins induzem uma resposta térmica forte, o que significa que o processo de digeri-los realmente queima calorias. Um estudo publicado na International Journal of Obesity e Distúrbios Metabólicos, descobriu que quando pessoas consumiram 500 calorias provenientes de amendoins por dia, durante 19 semanas, a sua taxa metabólica de repouso aumentou 11%, mesmo sem exercícios.

Porém tenha cuidado e não abuse, os amendoins são altamente calóricos. Mantenha um estoque em sua bolsa para um lanchinho rápido (cerca de duas colheres de sopa, por dia), ou prepare um sanduíche de pasta de amendoim com essa receita fácil e rápida.

Água

Quer perder 3kg a mais por ano? Tome dois copos de água antes do café da manhã (você pode tentar fazer isso antes de qualquer refeição). As pessoas que fizeram isso em um estudo recente na Universidade Virginia Tech, consumiram uma média de 75 calorias à menos no café da manhã, comparadas as pessoas que não tomaram a água. “A água agiu como um aperitivo sem calorias”, diz a autora do estudo, Brenda M. Davy, PhD, RD. “Encheu o estômago dos participantes, que relataram menos fome um pouco antes de comer.” Outra pesquisa sugere que a água estimula o metabolismo, porque o seu corpo tem de usar energia para elevar a temperatura da água ingerida e balancear com a temperatura interna do organismo. Por isso, sempre que possível, prefira a água gelada!

Como resistir à junk foods

Só porque tem uma saco de batatinhas chamando seu nome lá da cozinha não significa que você tem que correr para ‘salvá-las’. Leia mais para aprender a silenciar seus desejos especialmente quando você está rodeada de junk foods e dar uma levantada na sua força de vontade.

Esqueça as desculpas! 

Você provavelmente já se encontrou nesse tipo de situação: encarando na vitrine da padaria um pedaço de bolo, você até pode sentir o gosto açucarado na sua boca só olhando para ele. Enquanto isso, no seu armário se encontra aquela calça jeans que você comprou, uma tamanho menor para se esforçar na dieta. E você tem sido tão boa e disciplinada esses últimos dias, até comeu salada ontem…um pedacinho só não vai fazer diferença…vai? Bom, sem querer estragar o seu sonho doce, VAI SIM! Nós sempre tentamos achar uma desculpa para justificar uma ‘jacada’, especialmente quando estamos com fome. Felizmente existem tácticas que podemos utilizar para nos convencer em continuar com o plano de dieta. Veja como resistir à tentações:

Continue reading Como resistir à junk foods

Como evitar comer sem atenção

 

 

eating

É possível parar de se encher de comidas só porque elas estão na sua frente. Elimine este péssimo hábito começando agora mesmo.

Comer sem pensar

Alguma vez você já se deparou com uma bandeja de aperitivos e não comeu nem um sequer? E uma porção de batatinha? Uma caixa de rosquinhas dando mole no trabalho ou em casa, você resiste? Coloque algo comestível na nossa frente, especialmente algo que não seja necessário usar talheres e caiba em uma só mordida e o destino é quase sempre certo: no nosso estômago. E muitas vezes essa atitude não distingue se estamos com fome ou não. É como um reflexo, e provavelmente está programado dentro de nós desde os dias das cavernas. É a maneira que a natureza age em se assegurar da nossa sobrevivência, porque os nossos antepassados ​​tiveram que comer sempre que a comida estava disponível.

Muitos milênios depois, é claro, o nosso organismo poderia usar um upgrade. Esse comportamento é incompatível com o nosso ambiente alimentar atual onde, por exemplo, existem 17 tipos de doces no posto de gasolina, locadora, e farmácia. O problema é que essas mudanças drásticas ocorreram nos últimos 30 anos, e isso não é tempo suficiente para que nós possamos alcançar essa evolução.

É como se nós não tenhamos tempo de nos adaptar biologicamente falando. Mas como indivíduos inteligentes que somos (pelo menos a maioria do tempo!), nós podemos nos treinar para parar de comer como uma resposta automática. O primeiro passo é estar ciente de que qualquer coisa que você comer que não seja parte do seu café da manhã, almoço, jantar ou um lanche planejado provavelmente não está sendo consumido para saciar a fome. Uma das maneira de controlar e mudar esse hábito é evitar comer durante uma outra atividade. Prepare-se para se alimentar em um ambiente tranquilo e agradável, evite comer da frente da TV, computador ou trabalhando.  Preste atenção nos sinais de fome e saciedade do seu corpo. Lembre-se de que o sinal de saciedade que é transmitido do estômago para o cérebro leva cerca de 30 minutos para ser interpretado. Sabendo disso, coma devagar e deguste o que está no seu prato. E da próxima vez em que você se deparar com uma bandeja de canapés logo após ter comido 3 coxinhas em uma festa de aniversário, se pergunte: será que eu preciso disso?

Inclua esses 9 alimentos que baixam colesterol na sua dieta

Organic almonds

 

 

A má alimentação é uma das principais causas dos altos níveis de colesterol. Mas hoje lhe trazemos boas notícias, inclua esses 9 alimentos na sua dieta e baixe seu colesterol naturalmente.

Amêndoas
As amêndoas são muito poderosas quando se trata de reduzir o colesterol. Em primeiro lugar, elas são ricas em gorduras insaturadas que ajudam a elevar o colesterol saudável enquanto reduzem o colesterol ruim. Em segundo lugar, essas gorduras também ajudam a tornar o colesterol LDL menos propenso a se oxidar. Isso é bom porque quando LDL se oxida, é mais provável que suas artérias se estreitem, cortando o fluxo de sangue para o coração. Porém lembre-se de que as amêndoas são ricas em calorias, e apenas 1 punhado por dia é suficiente para obter benefícios.

Azeite de oliva
Este óleo é um superstar nutricional, rico em antioxidantes e gorduras monoinsaturadas saudáveis ​​para o coração, que ajudam a diminuir o colesterol “ruim” LDL e aumentar o “bom” HDL. De fato, em um estudo de pessoas com colesterol alto, amostras de sangue apresentaram menor potencial de coagulação prejudicial apenas duas horas depois de que os indivíduos do estudo comeram uma refeição com azeite. Isso porque o azeite é rico em compostos fenólicos, substâncias vegetais que diminuem a probabilidade do sangue coagular. Cerca de 2 colheres de sopa por dia são suficiente para lhe trazer benefícios.

Aspárgos ao vapor
Nada como aspárgos ao vapor para ajudar a reduzir o colesterol. Outros vegetais que tem seus poderes benéficos potencializados após um banho de vapor são a beterraba, quiabo, cenoura, berinjela, feijão verde e couve-flor. Pesquisadores acreditam que cozinhar estes vegetais podem lhe ajudar a melhorar a ação dos ácidos biliares, o que significa que o fígado precisa utilizar-se de mais colesterol LDL em fim de formar bile. Isso se traduz em menos LDL circulando em sua corrente sanguínea.

Aveia
Começar o dia com uma tigela de mingau de aveia quente é uma ótima maneira de iniciar o seu dia. De todos os cereais integrais, aveia é a melhor fonte de fibra solúvel, o tipo que forma um gel para evitar o colesterol de ser absorvido em sua corrente sanguínea. Tenha como objetivo consumir de 5 a 10 gramas de fibra solúvel por dia. Se você consome 1 ¼ xícaras de farinha de aveia cozida no café da manhã, você já começa o dia com 5 gramas consumidas logo cedo. Adicione ao seu mingau uma maçã picada e some mais 3 gramas de fibra. Fácil assim!

Feijão
Esse alimento tão tradicional na nossa cozinha é muito rico em fibra solúvel, que ajuda a reduzir o colesterol.  Meia xícara de feijão por dia pode reduzir o seu colesterol total em 8% em apenas 12 semanas. Dica: Se você usar feijões enlatados, enxágüe-os para remover o excesso de sódio.

Mirtilos
Você já ouviu falar muitas vezes que mirtilos são um superalimento. Eles ajudam a manter suas artérias limpas, reduzindo os níveis sanguíneos de LDL que entopem as artérias. Cientistas suspeitam que isso ocorre porque essa frutinha auxilia tão bem a função hepática do organismo. Como resultado o colesterol é eliminado do seu sistema muito mais facilmente. Desfrute de mirtilos frescos, congelados ou secos. Todos eles têm os mesmos benefícios.

Tomates
Um estudo recente comprova que incluir alimentos como o tomate, ricos em licopeno em sua dieta todos os dias por algumas semanas pode baixar seus níveis de colesterol ruim em até 10 por cento. Pesquisadores acreditam que o licopeno em tomates inibe a produção de LDL e, ao mesmo tempo ajuda a quebrar as gordura que entopem as artérias. Você precisa consumir pelo menos 25 miligramas de licopeno por dia para os obter tais benefícios e isso equivale a cerca de meia xícara de molho de tomate.

Abacates
Toda cozinha deve estar abastecida com abacates maduros. Por quê? Eles são repletos de gorduras monoinsaturadas saudáveis ​​para o coração que ajudam a derrubar o colesterol LDL ruim e triglicérides ao aumentar o HDL, colesterol saudável. Prepare vitaminas de abacate, adicione algumas fatias à um sanduíche, coloque em sua salada ou simplesmente espalhe um pouco sobre bolachas integrais com uma pequena pitada de sal grosso.

Chocolate
Se você é chocólatra assumido, aqui está uma boa notícia! Estudo após estudo confirmam que o chocolate meio-amargo é rico em nutrientes e bastante saudável​​. Ele está cheio de flavonóides, que são antioxidantes que ajudam a reduzir o colesterol, e também contém ácido oléico, o mesmo tipo de gordura monoinsaturada saudável para o coração encontrada no azeite de oliva. Para melhorar o seu colesterol, basta uma mordidinha, ou cerca de 25g de chocolate meio amargo por dia. E não se esqueça de verificar o rótulo para se certificar de que o seu chocolate tem pelo menos 70% de cacau. Cacau é o ingrediente onde estão todos os ingredientes saudáveis ​​para o coração.