Como lidar com a gordura localizada

muffin top

 

Você tem alguns pontos de conflito onde a gordura simplesmente se agarra à você? Esse é um problema muito comum. Veja como se livrar da gordura localizada.

Exercício localizado para perda de gordura não funciona

Esse é um dos erros mais comuns e cometidos em academias. Não é possível atacar a gordura in loco com o exercício. E a causa dessa grande confusão é muitas vezes a própria internet e capas de revistas de fitness que vendem treinos prometendo uma barriga sarada. Mas uma coisa é certa: a perda de gordura não é localizada, é sistêmica. Quando você trabalha um músculo, qualquer músculo, ele envia um sinal para o cérebro que libera hormônios de mobilização de gordura. Esses hormônios estão dispersos por todo o seu corpo em questão de segundos. O próximo passo é retirar células de gordura de todas as partes do corpo e enviar à corrente sanguínea para serem usadas como combustível construindo tecido muscular. O restante de células de gordura que não são usadas seguem armazenadas em diversas partes do corpo.

Cada um de nós armazena gordura em lugares diferentes 

Padrões de armazenamento de gordura são individualistas. Grande parte da nossa forma de armazenar gordura tem a ver com a genética, sexo, hormônios e hábitos alimentares. Uma pessoa pode ter uma propensão a armazenar gordura nos quadris, enquanto outro pode armazenar suas calorias em excesso em suas coxas.

Isso é importante para entender como é possível uma pessoa ter coxas magras e um abdômen definido, e mesmo que você siga um treino similar ao desta pesssoa talvez não alcance o mesmo tipo de corpo. Seu sucesso vai ser muito mais dependente do seu metabolismo individual.

Exercícios de alta intensidade em áreas problemáticas

Pois então, você pode fazer abdominais 24 horas por dia e não perder gordura do seu estômago a mais do que em outras áreas do corpo. No entanto, existem rotinas de exercícios que você pode praticar e que irão influenciar o seu perfil hormonal e a sua sensibilidade à insulina, o que em troca tem um efeito direto sobre a maneira de armazenar e liberar a gordura.

Exercício de alta intensidade é um desses tipos de exercício. Comparado com o cardio estabilizado em um certo passo, o HIIT queima mais gordura, e também tem um efeito mais positivo sobre a sua resistência à insulina. Isso acontece porque treinos de HIIT estimulam a liberação de hormônios de queima de gordura, como o hormônio de crescimento. E também usa muito mais glicogênio, o que melhora ainda mais a sua sensibilidade à insulina.

Paciência é chave

Nós não temos controle de onde a gordura vai parar quando comemos ou de onde ela é eliminada quando nos exercitamos, simples assim. Quando perdemos gordura, perdemos um percentual e isso resulta em uma perda de gordura corporal, não gordura localizada, perdemos como um todo. Alguns de nós podem perder uma maior proporção de gordura em áreas específicas, mas ainda assim vai ocorrer a perda de gordura em todo o nosso corpo. Você nunca vai ver alguém com uma barriga sarada e um alto percentual de gordura no corpo.

Como acontece com qualquer tipo de perda de gordura, ter paciência é fundamental. Estas áreas de gordura localizada são teimosas e muitas vezes não comece se mexer até que começamos a baixar os níveis de gordura corporal. Eles são geralmente os últimos lugares em que a gordura sai.

Lembre-se, enquanto você estiver mantendo uma redução constante no percentual de gordura corporal você está fazendo progresso. Não perca seu tempo tentando atacar a perda de gordura localizada.

Comer à noite engorda?

Será que comer à noite engorda como dizem?
Será que comer à noite engorda como dizem?

 

Será que comer tarde da noite engorda?

É ruim para a dieta comer à noite? Será que engorda comer depois de 19:00hrs? Estas são apenas algumas perguntas que as pessoas têm quando se trata de planejar o seu programa de perda de peso.

 

 

O importante é balancear as calorias

A coisa importante a lembrar quando se trata de perda de peso é o equilíbrio calórico. Quando ingerimos mais calorias do que queimamos, ganhamos peso. Não importa se você come todos os seus alimentos em uma refeição, ou se você acorda no meio da noite para comer. Se você comer mais calorias do que você queima, você vai ganhar peso. O oposto também é verdadeiro. Se você queimar mais calorias do que você come, você vai perder peso. Como mágica não é? 😉 Não importa se você come uma, duas, ou dez refeições por dia. A perda de peso se resume ao equilíbrio de calorias.

Por outro lado , o nosso objetivo não é perder peso. Nosso objetivo é perder gordura. O que você come e quando você come pode afetar a sua composição corporal . Então, como tudo isso se relaciona a comer tarde da noite ?

Leia mais sobre a diferença entre perda de peso e perda de gordura.

A chave para comer a noite sem engordar e maximizando a perda de gordura, é manter a ingestão de carboidratos a um nível mínimo. A razão para isso é porque os carboidratos aumenta seus níveis de açúcar no sangue. Quando o açúcar no sangue fica muito alto, a insulina é liberada a fim de armazenar o excesso de glicose no sangue. O problema com isto é que, quando a insulina é alta, o hormônio do crescimento é baixo, e vice-versa. Estes dois hormônios poderosos são inversamente correlacionados.

Potencialize a ação do hormônio do crescimento à noite

Queremos que o nosso hormônio do crescimento (GH) seja capaz de fazer o seu trabalho durante a noite. Lembre-se, os dois momentos em que GH é mais elevado é depois de um treino de alta intensidade e enquanto você está dormindo à noite. Se comermos uma refeição rica em carboidratos logo antes da hora de dormir, a capacidade do nosso corpo em liberar este hormônio de perda de gordura poderoso será inibida.

Se você quiser comer à noite, o que é perfeitamente aceitável, tente fazê-lo com que seja uma refeição rica em proteína, gordura e baixa em carboidratos. Esta deve ser uma refeição sólida, nada de shakes. Você precisa que esta proteína seja metabolizada lentamente durante a noite. O alimento sólido tem essa característica. Se você adicionar um pouco de gordura saudável nesta refeição, ela retarda a absorção dos nutrientes e metabolismo ainda mais. E se você realmente quer ter a refeição noturna perfeita, adicionar alguns vegetais verdes saudáveis. Esses vegetais contém poucos carboidratos porém são ricos em nutrientes e fibras. É a fibra que vai retardar a digestão e índice glicêmico (IG) da sua alimentação ainda mais.

Aqui estão apenas alguns exemplos de alimentos que você pode comer à noite

Carne , brócolis e nozes
Ovo, omelete de espinafre
Frango e salada de espinafre com molho de azeite e vinagre
Carne, aspargos e 1 colher de sopa de óleo ômega 3 (ácidos graxos essenciais)

Todas estas refeições seguem o princípio básico em incluir uma proteína magra, uma gordura saudável, e um carboidrato rico em fibras. Isto irá manter um bom suprimento constante de proteína para o seu organismo que irá auxiliar a reconstruição de tecido muscular enquanto você dorme. Essa refeição irá fornecer ácidos graxos essenciais para uma boa saúde geral, e vai te dar vegetais ricos em nutrientes para suprir seu corpo com todos os nutrientes que necessita para funcionar de forma melhor possível. Isso tudo ao mesmo tempo em que mantém os níveis de insulina baixos para evitar o armazenamento de gordura e colocando o seu corpo em um estado hormonal ideal para perder gordura e construir músculos enquanto você dorme.

É ruim para comer à noite? Engorda? Absolutamente não. Basta estar consciente do que você está comendo. Seu corpo precisa de nutrientes para funcionar o melhor possível, especialmente quando você está dormindo. Você está prestes a passar por um período de 8-12 horas sem alimentos. Este é o seu tempo de recuperação. Seja inteligente e dê ao seu corpo o que ele precisa para queimar gordura, mesmo enquanto você dorme 😉 

O que fazer quando você ganha peso

Não pense que isso só acontece com você, ou que você não está se dedicando de forma correta ou suficiente no seu plano de emagrecimento. Entenda porque ganhar peso, mesmo durante uma dieta, é muito comum e acontece com a maioria das pessoas.

what_to_do

Ganhou um pouco de peso e está se se sentindo para baixo ? Lembre-se, você está lutando contra a mãe natureza , por isso não vai ser fácil.

Como seu corpo lida com o peso?

O seu corpo é programado para manter o máximo de gordura possível.  Tão recentemente quanto há cerca de 500 anos, os seres humanos tiveram que se contentar com apenas algumas grandes refeições, seguidas por longos períodos de jejum. Seu corpo é perfeitamente adequado para estas condições. Infelizmente, com lanchonetes em cada esquina , um mecanismo tão surpreendente se torna um pouco passivo. Seu corpo ainda não se adaptou à essas condições.

Perder peso é difícil …

Uma forma simples de explicar este conceito é esta: quando você ganha peso, seu corpo faz com que novas células de gordura sejam produzidas. Uma vez formadas, essas células de gordura ficam constantemente insaciáveis e implorando por mais alimentos para preenchê-las. Então, perder peso é muito mais difícil do que ganhá-lo (se você está curiosa, o nome para isso é a teoria lipostática de perda de peso) .

… Mas não impossível !

Isso não significa que a perda de peso é impossível, só que para conseguir você tem que superar os desejos naturais do seu corpo. E isso não é fácil, requer tempo e dedicação. Portanto, não desista , redobre seus esforços, e você vai ver os resultados, nós prometemos!